Decálogo da Boa Sorte

1. A sorte não dura muito tempo, pois não depende de você. A Boa Sorte é criada por você, por isso dura para sempre.

2. Muitos são os que querem ter a Boa Sorte, mas poucos os que decidem buscá-la.

3. Se você não tem Boa Sorte agora, talvez seja porque está sob as circunstâncias de sempre. Para que ela chegue, é conveniente criar novas circunstâncias.

4. Preparar as condições favoráveis para a Boa Sorte não significa buscar somente o benefício para si mesmo. Criar as condições nas quais outros também ganham atrai a Boa Sorte.

5. Se você deixar para amanhã o trabalho que precisa ser feito, a Boa Sorte talvez nunca chegue. Criar as condições favoráveis requer dar um primeiro passo. Faça isso hoje mesmo.

6. Às vezes, mesmo que as condições favoráveis estejam presentes, a Boa Sorte não chega. Procure nos pequenos detalhes o que for aparentemente desnecessário mas imprescindível!

7. Para quem só acredita no acaso, criar as condições favoráveis parece absurdo. Para quem se dedica a criar as condições favoráveis, o acaso não é motivo de preocupação.

8. Ninguém pode vender a sorte. A Boa Sorte não se compra. Desconfie dos vendedores da sorte.

9. Após criar todas as condições favoráveis, tenha paciência, não desista. Para alcançar a Boa Sorte, tenha confiança.

10. Para criar a Boa Sorte é preciso preparar as condições favoráveis para as oportunidades. As oportunidades, porém, não dependem de sorte ou de acaso: elas sempre estão presentes!

O Decálogo da Boa sorte nunca chega ao seu conhecimento por acaso.

Trías de Bes, Fernando. A Boa Sorte. Tradução de Davina Moscoso de Araujo, RJ, Ed. Sextante, 2004.

4 comentários:

Aninha Goulart ® disse...

Muito interessante seu blog!
Curti muito!

Pablo Marcus de Abreu Prestes disse...

Fábio, show o seu blog. Coitado do meu, mas ainda estou trabalhando nele.
Até coloquei um relógio, tudo bem que ele esta uma hora adiantado e não sei como fazer para acertar, mas tá bom.
Tb te add em meus favoritos, viu !
Aquela música é tudo de bom, ouvi pela primeira vez esta semana e já me apaixonei.
Dia desses que estivermos on line te mando, falow.
Bom final de semama !!!!
Abraços mil.

Rejane disse...

Oi meu amigo,
Você tem o dom das palavras como sempre, nunca mude o seu jeito lá no fundinho de ser, porque o superficial é mais fácil de agradar os outros, mas o verdadeiro EU, é que nos faz viver, cada dia.
Beijos, te amo!

Anônimo disse...

Querido Fabio, falei ,falei,e não falei se gostei do blog, sou chato não é mesmo.porém, tem uma coisa, dizem que os chatos são muito mais interessantes,mas nessa vida tudo é relativo não é verdade?
Voltando ao assunto,gostei tanto que minha vontade é escrever sobre todos os assuntos,mas com certeza seria muita bobagem escrita.
Abraço.
Pedro B.Sampaio