Amar... Amar.

Capítulo I
Versículo 6

Amar é permitir sempre,
amar é deixar que o outro vá.
Ou que fique, se assim o desejar.
Amar é ter um respeito absoluto
pela própria liberdade e pela liberdade do outro.
Amar é compreender sempre.

E isso não significa apenas
entendimento racional,
vai além, muito além:
Amar é reconhecer
afetuosamente
o direito que o outro tem
de fazer suas escolhas.

Mesmo que essas escolhas eventualmente me excluam.

Edson Marques, Manual da Separação, vol II.

3 comentários:

edson marques disse...

Fábio,

Deixei um comentário para você em http://overdadeironaoepopular.blogspot.com/2007/11/mudana.html , em agradecimento e complementando o que já te havia dito antes.

Depois vim aqui, na página frontal, e fiquei te lendo. Tudo.

Deliciosamente.

Algumas das tuas "manias" eu também tenho. E vou experimentar o banho sentado... rs!


Abraços, flores, estrelas.

Vera disse...

Muito bom este blog. Voltarei sempre.
congratulations!!!
v.ligia

Clara Temporal disse...

Grande Edson Marques, poeta revolucionário!

Gostei daqui Fábio!!

Abraços =]